sábado, 2 de maio de 2009

Really tight pants

Ontem saí de casa pela primeira vez desde quarta-feira, arrastado e já arrependido. O lado bom é que tinha sol. Mas um efeito colateral desagradável de um dia bonito é ter meu campo de visão invadido por aquelas pessoas que saem de casa de bicicleta sem precisar ir a lugar algum. É o cansaço por diversão.

Mas não é só isso. Esse desperdício de esforço vem acompanhado das conversas sobre bicicleta, revistas sobre bicicleta, roupas de bicicleta e depilação masculina por causa da bicicleta. Meu dia foi destruído pela simples presença de gente dessa laia.

As quase 6 pessoas que lêem esse blog podem me acusar de me irritar com o que está além da minha compreensão, o famoso preconceito, mas eu entendo perfeitamente esse tipo de gente. As biciletas nada são do que uma desculpa pra vestir as roupas de bicicleta. Assim como motos, skates e, por que não, rock. Mas as bikes com o agravante de requerirem roupas rosa fosforecente e pernas macias.

4 comentários:

Anônimo disse...

Um texto brilhante e agudo em meio a outros não tão inspirados e dispensáveis. Mantenha afiada essa navalha, Furlan.

Malheiros disse...

Andou em bicicleta sem celim, foi?

Anônimo disse...

eu odeio pessoas que tomam atitudes desnecessárias, como fazer filas e etc.

Anônimo disse...

bixo, "depilaçao masculina por causa da bicicleta"?? voce quer dizer tipo.. raspar o cú pra dar menos atrito com o banco? de onde voce tirou essa informaçao?? como vc descobriu?
LP